Recomendação da Inconstante | 14

18.2.17

O primeiro item dessa recomendação é o livro Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios de autoria de Marçal Aquino. Eu já tinha ouvido falar desse livro há algum tempo e achava o título uma arte em si. Mas por uma cena qualquer, o livro que ganhou uma adaptação cinematográfica em 2012, foi descoberto por um grupo de pessoas no ano passado e eu redescobri-lo por causa delas. Eu sei que já disse isso algumas vezes, mas esse livro foi uma das leituras mais bonitas, senão a mais bonita, que já fiz. Cada palavra, frase, parágrafo parece um poema em si. E o livro nem é de poesia. 

Imagens obtidas aqui e aqui.

A história desenrola-se quando Cauby, o protagonista, diz-nos que teve um caso amoroso que antes de acabar com ele deu significado a sua vida. E a partir daí o autor vai desenrolando beleza escrita a cada página enquanto envolve-nos numa trama detalhista. Se me tivessem perguntado o meu livro preferido do ano de 2016 eu responderia sem hesitar Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios. E declaro que vou a caça de outras coisas que o autor tenha escrito, porque uma coisa tão linda como esse livro só merece ter irmãos tão lindos quanto.

Desde o fim do ano passado que tenho ouvido essa dupla brasileira composta pela Ana e pela Vitória. Jovens de idade, mas maduras no talento. As músicas de Anavitória têm poesia na letra e passagem obrigatória pelos nossos sentimentos mais puros. 

Imagens obtidas aqui

A primeira vez que ouvi Agora Eu Quero Ir foi por sugestão do YouTube e foi também amor ao primeiro verso. Daí para Singular foi só um clique. E dali para o vicio foram só algumas repetições. Hoje Anavitória é moradora da minha playlist intitulada Poesia e não podia ser diferente. Também recomendo vivamente Trevo, Cor de Marte e Tua. Para quem gosta do estilo do Tiago Iorc, vai gostar de Anavitória. E se ousar não gostar, levanta sérias dúvidas sobre o rumo da nossa amizade.

Duas coisas de que gosto muito são viajar e aprender novos idiomas. E o Damon e a Joana fazem isso tão bem no seu canal do YouTube. Descobri-los por acaso, tal como um monte de coisas que a vida me traz, e mantive-me fiel as suas publicações por puro gosto. 

Imagens obtidas aqui.

A Joana nasceu no Rio de Janeiro onde viveu até aos cinco anos, quando emigrou com a família para os Estudos Unidos da América. Saiu de uma cidade pequena para fazer a Universidade em New York onde conheceu o Damon, também saído de uma cidade pequena. A amizade evoluiu tal como o gosto por idiomas e viagens e assim surgiu o DamonAndJo. O canal acompanha os dois em várias residências temporárias e passagens rápidas pelo mundo. Há vídeos em inglês, português, espanhol e francês. Ambos, se não me engano, falam também italiano. Os temas dos vídeos, quando estão em casa, em Los Angeles, são aleatórios, mas não perdem a graça. Aconselho não só o canal, mas também o blog deles sobre viagens, chamado Shut Up and Go

Cenas Parecidas

0 Outras Alturas

Skoob | Minha Biblioteca Virtual

Portfólio | Arquitetura & Design

Flickr | Galeria de Fotografias